quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Avatar (2009)

James Cameron escreveu e realizou mais um sucesso de bilheteira, mais um filme que ficará para a história. Já são muitos os sucessos deste cineasta que escreveu o argumento e realizou filmes como Exterminador Implacável (1984), O Abismo (1989), Aliens (1986) e Titanic (1997). Em AVATAR penso que atingiu a excelência, o ponto que qualquer profissional deseja alcançar na sua carreira, e talvez tenha sido a sua obra prima. Anuncia-se já um Avatar 2 para 2016 que ao ter que superar a excelência corre sempre o risco de defraudar as expectativas.

Jake Sully é um soldado americano que ficou paraplégico num acidente. Quando o seu irmão gémeo Tommy é morto num assalto à mão armada a duas semanas de embarcar numa missão científica à lua Pandora oferecem-lhe o lugar do irmão uma vez que o código genético é idêntico e o investimento feito num Avatar adequado ao ADN do irmão não seria desperdiçado. O irmão era cientista, e a missão seria utilizar um Avatar semelhante aos nativos humanóides Na'vi de forma a estudar aquela população e aquele habitat.
Mas a missão científica é apenas uma missão secundária, os humanos estão em Pandora para recolher o precioso minério das florestas do povo Na'vi.
É prometido a Jake pelos militares o pagamento da cirurgia à coluna vertebral que lhe devolverá as pernas, em troca deveria acrescentar à sua missão científica a recolha de informação estratégica útil a eventuais operações militares.
Jake consegue ser aceite pelos nativos e apaixona-se por Neytiri, a filha do chefe de uma das tribos.

Sem comentários: