quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Anónimo (2011)


O filme Anónimo (Anonymous), de Roland Emmerich , transporta-nos ao tempo de Isabel I e Shakespeare e conta-nos uma história bem diferente da versão oficial.

William Shakespeare escreveu 37 peças, 154 sonetos, 2 longos poemas narrativos e diversos outros poemas e é considerado a derradeira expressão da humanidade em língua inglesa. Em 400 anos nenhum manuscrito escrito pela mão do próprio Shakespeare foi encontrado. Foi retirado da escola com apenas 15 anos de idade, filho de pais iletrados, casado com uma mulher iletrada, e seus filhos também não tiveram uma educação prodigiosa. Deixou testamento escrito mas não continha qualquer referência a livros ou manuscritos.

As revelações sobre a vida do grande dramaturgo misturam-se com a disputa pela sucessão de Isabel I, já com idade avançada e sem filhos legítimos para a suceder.

Edward de Vere, Conde de Oxford, é apontado como o verdadeiro autor de todo o trabalho atribuído a Will Shakespere.

2 comentários:

Anónimo disse...

Shakespear não é Sakespeare?

Anónimo disse...

Poderá ler o principezinho gratuitamente no site Livros-Digitais. Vale a pena!